Gab Promove Bitcoin como a plataforma está inundada após a proibição do trunfo

Gab está passando por um ataque natural de DDoS em meio a um êxodo com a plataforma afirmando que cerca de 500.000 usuários se juntaram em um dia, quando o site recebe 18 milhões de visitas.

„O tráfego continua crescendo, e ainda mais servidores estão a caminho hoje“, disse o CEO da Gab Andrew Torba no sábado.

A plataforma opera seus próprios servidores e conseguiu obter um aplicativo móvel não escalonável através do Mastodon.

Como a Parler está banida do Google, Amazon, Apple, seus advogados, provedores de serviços de e-mail e texto, os conservadores – que estão tão confusos que baixam um aplicativo pornô chamado Parlor – podem ter pouca escolha a não ser tentar Gab.

Ao contrário da Parler, a Gab não tem serviços mainstream como o Amazon cloud porque eles foram banidos de tudo em 2018, inclusive dos processadores de pagamento.

Eles adotaram o bitcoin, e assim, neste momento crucial para a plataforma, quando ela pode muito bem se tornar uma verdadeira alternativa ao twitter, eles estão levando algum do seu tempo para informar seus usuários sobre o que é bitcoin com Gab dizendo „Bitcoin é dinheiro da liberdade de expressão“.

„Cada vez mais empresas e indivíduos estão sendo cortados do processamento tradicional de pagamentos, bancos e mais online.

Isto inclui Gab.com e nosso fundador Andrew Torba, que foram ambos colocados na lista negra pela VISA, bem como processadores de pagamento como Paypal. Bitcoin resolve este problema“, dizem eles.

Os conservadores estão atualmente indignados com o que dizem ser uma tentativa de silenciá-los com alguns republicanos dizendo que planejam tornar a censura tecnológica parte de sua plataforma de campanha.

A ação coordenada contra Parler, uma aplicação pouco conhecida que, no entanto, tem atraído a obsessão de alguns meios de comunicação de esquerda desde o verão, tem muito cuidado com as novas capacidades do que só pode ser chamado de uma máquina de censura.

No entanto, a internet foi projetada em suas bases para rotear a censura, e isso é exatamente o que vai acontecer, mas potencialmente de uma forma superficial, onde você deixou o twitter e o twitter direito ocupados com assuntos que ninguém se importa, no processo efetivamente deplora a verdadeira população, a grande maioria do público que é independente.

O domínio das plataformas americanas nestes assuntos é, de certa forma, trazer suas guerras culturais para a internet global no que poderia muito bem se desenvolver em guerras tecnológicas à medida que as atuais plataformas dominantes começam a ser percebidas como autoritárias e de esquerda.

No que diz respeito ao bitcoin, alguns dos 70 milhões de eleitores do Trump que se mudam para o Gab podem começar a ouvir sobre o bitcoin e como este é dinheiro da liberdade de expressão, bem como como como eles podem usá-lo para apoiar estas plataformas que agora lhes proporcionam uma avenida para se envolverem no debate público.

Secret Tokens, a protocol to transform your ERC-20 into anonymous cryptos

Secret Network, an anonymity-based blockchain, has announced the launch of its “Secret Ethereum Bridge”. It transforms ETH and ERC-20 into anonymous tokens.

Anonymous ERC-20s thanks to Secret Network

As a Secret Network blog post explains , the „secret“ versions of these ERC-20 tokens or ETHs allow anonymous transactions . ERC-20s keep their ability to be programmable, but “ private by default, like Monero and other similar altcoins . “

The “bridge” between Secret Network and Ethereum works like this: secretETH (or secretERC-20) are produced when the original tokens are locked on the network . If the user wishes to convert his tokens to their original version, the ETH / ERC-20 secrets are destroyed, and the original tokens removed from the deposit contract.

This is a first step for Secret Network, which wants to extend these features to other blockchains. The service will also soon launch “bridge mining”. This is to reward users who lock their ETH and ERC-20. The latter will receive in exchange the SCRT, the native cryptocurrency of Secret Network. In total, 2 million SCRTs will be allocated to the community.

Make DeFi anonymous

The maneuver has one main goal: to launch anonymous decentralized finance services ( DeFi ) thanks to the Secret Network. The press release explains:

“This is a first step before creating a private DeFi ecosystem by default and compatible with several channels. “

This ambition can be seen in the choice of tokens that are compatible with Secret Network. For the moment, only about fifteen tokens can be transformed, and they are linked to decentralized finance projects . Here is the list: ETH, YFI, UNI, BAND, COMP, LINK, AAVE, KNC, SNX, OCEAN, MKR, DAI, USDT, TUSD and WBTC.

Users can now test the bridge between Ethereum and Secret Network, and distribution of rewards is expected to begin in January.

Plus de 13% des produits du crime de Bitcoin sont blanchis par le biais de „portefeuilles privés“ : Elliptique

Le nombre de criminels qui utilisent des portefeuilles dits de confidentialité pour faciliter le cryptage du blanchiment d’argent est en augmentation, selon Elliptic, une société d’analyse de chaînes de magasins basée au Royaume-Uni.

La société estime que plus de 13% des produits du crime impliquant des bitcoins (BTC, +1,03%) sont maintenant transférés par le biais de ces portefeuilles, contre seulement 2% en 2019, selon un rapport publié mercredi.

Selon Elliptic, les portefeuilles de protection de la vie privée, tels que le Wasabi Wallet, disposent d’outils qui aident à dissimuler l’identité des utilisateurs. Un exemple est la comparaison automatique entre pairs et l’envoi de transactions CoinJoin, dans lesquelles les bitcoins sont mélangés au sein d’une même transaction.

Selon le rapport, les portefeuilles s’avèrent populaires comme moyen d’éviter les risques de services centralisés de mélange de pièces, tels que le vol de fonds par les fournisseurs de services et les autorités exploitant des sites „honeypot“.

En 2020, Elliptic estime que 160 millions de dollars de bitcoin provenant du darknet, de vols et d’escroqueries ont été blanchis grâce aux portefeuilles de protection de la vie privée.

Le piratage de comptes Twitter importants en été a favorisé une escroquerie crypto qui a permis de récolter 120 000 dollars dans différentes cryptocurrences, dont une grande partie a été blanchie par le biais du Wasabi Wallet, indique le rapport. La même chose se serait produite après le piratage de l’échange de KuCoin en septembre, où 280 millions de dollars de crypto ont été volés.

L’elliptique a reconnu qu’il existe des utilisations légitimes des portefeuilles privés, mais a déclaré que les criminels ont été rapides à se brancher sur les nouveaux services.

Cette tendance pose un „défi croissant pour les régulateurs, les forces de l’ordre et les professionnels de la conformité qui cherchent à combattre le crime financier dans les crypto-actifs“, a déclaré la firme.

Nouriel Roubini se sente um pouco melhor sobre a BTC, parece que

Muitas pessoas têm trocado suas posições sobre o bitcoin ultimamente. A moeda se saiu tão bem este ano e chegou tão longe que muitos opositores se transformaram de repente em grandes fãs, e parece que outra foi transformada. A pessoa que de repente está empurrando o Bitcoin Compass é um economista chamado Nouriel Roubini, que no passado, tem sido bastante indelicado com o ativo.

Roubini: Talvez o BTC não seja tão ruim

O Bitcoin mais do que triplicou desde março. Na época, o ativo havia caído abaixo da marca de $4.000, embora agora a moeda esteja sendo negociada por bem mais de $16.000. Isto fez com que muitas pessoas de repente acreditassem na moeda criptográfica número um do mundo por limite de mercado. O fato de que ela pode potencialmente aumentar tanto durante uma pandemia generalizada colocou o ativo no mapa.

Roubini é professor de economia na Stern School of Business da Universidade de Nova York. Ele também é um dos maiores críticos do bitcoin, afirmando no passado que o bitcoin acabaria sendo adicionado ao „museu das moedas fracassadas“ com várias outras moedas digitais. Agora, entretanto, em uma nova entrevista, ele afirma que o bitcoin poderia potencialmente servir como uma „reserva parcial de valor“.

Ele explicou:

[A bitcoin é] talvez uma reserva parcial de valor porque, ao contrário de milhares de outras moedas que eu chamo de sh*t, ela não pode ser rebaixada tão facilmente porque há pelo menos um algoritmo que decide o quanto a oferta de bitcoin aumenta com o tempo porque para a maioria dessas outras, literalmente, é feita ad hoc, e elas estão sendo rebaixadas mais rapidamente do que o que a [Reserva Federal dos Estados Unidos] está fazendo.

Embora de repente ele seja positivo em relação ao bitcoin, ele não sente necessariamente a mesma coisa em relação ao blockchain e permanece um pouco cético em relação a isso. Ele comenta:

Na minha opinião, [bitcoin] não é escalável, não é seguro, não é descentralizado, não é uma moeda, e lembre-se que muitos bancos centrais, começando agora com o chinês, o sueco, mas até mesmo a zona do euro, estão começando a pensar em criar uma moeda digital do banco central. Uma vez que você tenha um banco central moeda digital, cada indivíduo pode usar uma conta no banco central para fazer pagamentos.

No início da semana passada, o Banco Central Europeu (BCE) realizou um fórum de dois dias com Christine Lagarde, Jerome Powell do Fed e Andrew Bailey do Banco da Inglaterra para discutir a digitalização de moedas no futuro. O BCE deu até mesmo a entender que poderá vir a lançar uma versão digital do euro no futuro próximo.

O mundo criptográfico está se movendo para frente

Paolo Ardoino – diretor de tecnologia da bitcoin e da crypto exchange Bitfinex – mencionou que este seria um enorme passo em frente para a bitcoin e a crypto em geral, afirmando:

Marcos como este representam passos na ascensão do rei do cripto. Aqueles que ainda dizem que o bitcoin é um ativo ruim e vêem apenas obstáculos em seu caminho, não entendem mais o mundo em que vivemos.

The ETH Deposit Contract 2.0 collected the required amount of ETH for the network launch

The first phase of Air 2.0 will begin on 1 December.

Air 2.0’s deposit contract has collected the 524,288 ETH needed to launch Beacon Chain. Bitcoin Profit will form the basis for further deployment of the Ekaterinburg Air 2.0 network.

According to Ethereum.org, the airtime in the deposit contract exceeded 524,288 ETH around 5:30 a.m. on 24 November. At the time of publication, 605,632 ETH has been transferred to the contract.

The number of deposits into the contract has been growing rapidly since 20 November. The air price has also risen strongly in recent days, exceeding the $600 mark.

A key feature of ETH 2.0 is the move from Proof-of-Work to Proof-of-Stake.